6 de julho de 2020

COMO SE FORMOU A RELIGIOSIDADE DO POVO BRASILEIRO?

Muitas vezes nos perguntamos, como se formou a religiosidade do povo brasileiro? Por que temos tantas religiões? Como trabalhar em sala de aula as matrizes religiosas tão necessárias para o nosso trabalho com a diversidade? 
Bom, primeiro precisamos entender como aconteceu a formação do povo brasileiro e a partir daí entenderemos como as religiões foram fazendo parte dessa cultura tão miscigenada. 
Mas se eu fizesse uma pergunta a você, qual seria a sua resposta....

QUAL FOI A PRIMEIRA RELIGIÃO DO BRASIL?
(    ) Católica
(   ) Africana
(   ) Oriental 
(   ) Indígena

Isso mesmo, temos que colocar a religiosidade INDÍGENA, afinal antes de qualquer povo que aqui chegou, eles já estavam aqui e realizavam suas práticas religiosas. 

Como explicar isso para crianças, ao trabalhar a diversidade religiosa? Muito simples, através da contação de histórias!!

Segue aqui uma contação de histórias muito especial, produzida com muito carinho para vocês professores de Ensino Religioso. 

Mas antes de iniciarmos quero fazer um agradecimento muito especial a professora Brigida Karina que, gentilmente, cedeu seus personagens para que eu pudesse produzir essa história!! Obrigada professora Brigida, de coração 💗💗💗


Segue aqui a história por escrito, caso alguém queira imprimir e as imagens para baixar, em seguida a história em formato de vídeo, também com possibilidade para poder baixar.


A RELIGIOSIDADE DO POVO BRASILEIRO

Hoje vou contar a vocês uma história que aconteceu a muito tempo, muito tempo. Vamos conhecê-la?

Navegadores saíram com suas famílias onde moravam e vieram para um lugar desconhecido. No começo vieram pessoas da Europa, da África e do Oriente.


Os portugueses vindos da Europa saíram do seu país, atravessaram as águas agitadas do Oceano Atlântico e levaram vários dias viajando.



Os navios vindos do continente africano trouxeram pessoas de diferentes países, falando diferentes dialetos para trabalharem nas fazendas dos senhores do café.



Tempos depois chegaram pessoas vindas do Oriente – Japão, China – eles cruzaram os oceanos para chegar nessa terra em busca de melhores condições de vida.



Cada um dos grupos de pessoas que chegaram nessas terras desconhecidas trouxeram sua forma de viver: sua cultura, seus hábitos alimentares e sua forma de crer – a sua religião.


Onde esses navios desembarcaram? Mas... que lugar era esse? Mas...será que ninguém morava aqui nesse lugar? Com o passar do tempo esse lugar ganhou um nome, Brasil!!! Você conhece o Brasil? Isso mesmo é o país onde moramos!!!!
Mas antes desses povos chegarem ....



Moravam aqui os povos indígenas: Povo Guarani, Povo Matipu, Povo Kalapalo, Povo Araweté, Povo Ticuna, Povo Pataxó, Povo Terena, Povo Kalankó, Povo Yanomami, Povo Munduruku, Povo Desana, Povo Kaingang e outros mais.



Cada um desses povos: Indígena, ocidental, africano e oriental por muito tempo conviveram e convivem aqui no Brasil cada um com sua cultura, sua religião e esses traços religiosos estão presentes até os dias de hoje.


Muitos anos depois... vivem no Brasil pessoas de várias etnias e serão esses personagens que contarão um pouco dessa história. Vamos conhecê-los?




Esse é Samuel, ele é cristão e segue a religião católica.
Essa menina é a Yoko, ela é budista. Segue os ensinamentos de Buda.
Esse é Zayn, um menino muçulmano que segue a religião do Islamismo.
Esse é Cauê descendente do Povo Guarani,
Esse é o João, ele é umbandista, segue a religião dos seus ancestrais.
Esse é o Davi, ele segue a religião do Judaísmo.
Todas as crianças moram no mesmo bairro, estudam na mesma escola e na estão mesma sala.


Eles adoram ir ao parque brincar e se divertir...
Gostam muito de brincar de bola, de balança, de gangorra... certo dia apareceu Lucy, uma menina nova no bairro e que está na mesma sala de aula que as crianças. Ela perguntou:
___ Olá sou a Lucy! Posso brincar com vocês?
Todos aceitaram e brincaram juntos à tarde toda!



No dia seguinte...
Todos se reuniram para irem ao parque brincar, mas Lucy perguntou:
___ A professora de Ensino Religioso falou sobre Lugares Sagrados, vocês conhecem algum Lugar Sagrado para que eu possa conhecer?
___ Sim!!!! Disseram todos juntos!!!

Cada uma das crianças conversou com seus familiares e resolveram levar Lucy para fazer um Tour Religioso aos seus lugares sagrados. Lucy ficou muito feliz pois seus pais não seguem nenhuma religião e ela tem muita curiosidade em conhecer os Lugares Sagrados das religiões.



No dia seguinte, todos se encontraram em frente ao Lugar Sagrado de Samuel.
___ Esse é o meu Lugar Sagrado, a Catedral Basílica Menor de Nossa Senhora da Luz dos Pinhais. Eu e minha família todos os domingos pela manhã participamos da missa rezada pelo padre Carlos, é nesse lugar que conversamos com Deus.
Depois que todos saíram de lá, seguiram com Davi ao seu Lugar Sagrado.



___ Essa é a sinagoga Beit Yaacov, aqui o rabino faz a leitura da Torá – nosso texto sagrado. Para entrar aqui os homens e os meninos devem usar a quipá, ela serve para lembrarmos da presença de Deus, Ele sempre nos protege e nos guia.
Saindo da sinagoga, Zayn levou seus amigos até a mesquita.



___ Essa é a Mesquita Iman Ali Ibn Abi Tálib, é nesse local que eu e meus familiares nos reunimos todas as sextas-feiras, Para entrar neste local precisamos retirar os sapatos e as mulheres devem cobrir a cabeça usando o véu. Aqui ouvimos o recitar o Alcorão, nós acreditamos em Alah, nosso Deus.
Lucy estava assim como os colegas muito feliz, pois estava aprendendo muito ao conhecer os Lugares Sagrados dos seus amigos.



Yoko levou seus colegas para conhecer o seu lugar sagrado – O Centro de Estudos Budista Bodisatva.
___ Esse é o meu Lugar Sagrado, eu frequento aqui todos os dias e para entrar precisamos retirar os sapatos, fazemos a sanguinha e aprendemos sobre os ensinamentos de Buda.
Saindo de lá, João perguntou:
___ Vamos conhecer o meu lugar sagrado?



Todos aceitaram e seguiram com João:
___ Aqui é o Terreiro de Umbanda, nós cantamos, rezamos e os adultos ajudam as pessoas que vem aqui quando elas não estão muito bem. Nós dizemos que a Umbanda é uma religião que quer paz, a união e a caridade.



Em seguida, um pouco distante da cidade, próximo a um bosque onde ao lado tem uma reserva indígena, Cauê levou seus amigos para conhecer a Opy;
___ Essa é a Opy, o Lugar Sagrado para nós do Povo Guarani. Aqui é aceso o fogo sagrado, o pajé nos passa seus ensinamentos e ouvimos a natureza, como: o som dos pássaros, o som do vento, o som da chuva, o som dos animais e as vezes ficamos até em silêncio profundo.



Quando saíram de lá todos os colegas estavam encantados por terem conhecido um pouco mais sobre a religião uns dos outros. 
Quando se encontraram Lucy perguntou:
___ Ah! Fiquei feliz em conhecer esses Lugares Sagrados, mas o que significam esses desenhos nas camisetas de vocês?
Todos falaram que cada um dos desenhos são símbolos que representam a religião: o Buda, a cruz, as divindades, a lua crescente e a estrela, o maracá com o som sagrado e a estrela de Davi. Todos eles representam a religião que cada um mostrou no Lugar Sagrado que apresetnou para Lucy.



Yoko ao ver que Lucy gostou de conhecer os Lugares Sagrados perguntou:
___ Lucy, qual é o seu Lugar Sagrado? E Lucy respondeu:
___ Minha casa, meu quarto, a biblioteca, o parquinho....



Depois de alguns dias, Lucy apareceu com um símbolo em sua camiseta. Você sabe qual é?
Os colegas viram e perguntaram:
___ Lucy, Lucy , que símbolo é esse em sua camiseta?



E Lucy respondeu:
___ É um coração e esse coração tem um significado: o amor. Só quando amamos nossos colegas, nossas famílias, nossa vida, enfim, quando amamos tudo, aprendemos a respeitar e viver em harmonia com todos e tudo!!!!



Para acessar a história em modo apresetnação é so clicar no link abaixo e baixar a pasta, é necessário clicar em DOWNLOAD pois, além das imagens tem também o áudio. Clique aqui: 👉 A RELIGIOSIDADE DO POVO BRASILEIRO




9 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigada Clemildes, vou produzir mais vídeos assim para que possamos utilizar em sala de aula para exemplificar esse universo religioso.

      Excluir
  2. ESTAVA PERDIDA COM O TRABALHO DE ENSINO RELIGIOSO. QUANTA INTERDISCIPLINARIDADE!DESCOBRI ONTEM O SEU TRABALHO. E A PARTIR DE ALGUNS QUE CONSEGUI VÊ, TIVE OUTRAS IDEIAS! ENCONTREI MEU NORTE! OBRIGADA!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luciana, fico feliz em poder ajudar!!! Devemos defender o ER com o trabalho em prol da diversidade, interdisciplinaridade!!!!!

      Excluir
  3. Adriana, sou sua fã, obrigada por compartilhar seus encaminhamentos conosco. Estou com saudades. Beijos Vera Carriel

    ResponderExcluir
  4. ADRIANA! VOCÊ é muito inteligente e uma educadora extraordinária. Parabéns pelo seu trabalho educacional.

    ResponderExcluir
  5. Amei o blog e já estou indicado para várias colegas. Parabéns!

    ResponderExcluir
  6. Adorei seu blog, inspirador para realizar as aulas de ensino religioso.

    ResponderExcluir

Gostou dessa postagem? Não vá embora sem deixar seu comentário, ele é muito importante para nós!