Neste blog você irá encontrar sugestões de atividades, atividades já realizadas, informações sobre o Ensino Religioso no estado do Paraná e principalmente em Curitiba. Trabalhar com a diversidade religiosa em sala de aula é algo extremamente rico pois, é na diversidade que aprendemos a respeitar o outro.


20 de janeiro de 2014

RITO DO CASAMENTO - 1° ANO - CANDOMBLÉ E UMBANDA

Para trabalhar com os alunos do 1° ano o rito do casamento na matriz africana realizei o seguinte encaminhamento:

MITO: A ORIGEM DO MATRIMÔNIO
             Nos primeiros tempos da humanidade, não havia muitos homens e mulheres. Naquela época, eles viviam divididos. Os homens caçavam os animais e as mulheres recolhiam as sementes das plantas. Os homens viviam nas cavernas das montanhas e as mulheres viviam próximas ao rio, em cabanas feitas de barro e folhas. Eles não se visitavam.
            Um dia, os homens foram caçar com suas   flechas e mataram um antílope, mas deixaram o fogo apagar e não puderam cozinhar o animal. Os homens eram como as mulheres: eles sabiam fazer muito bem as suas coisas e sempre conseguiram manter o fogo aceso. No entanto, os homens tinham tanta fome que mandaram um deles buscar fogo emprestado das  mulheres. Nesta época havia cinco homens.
            Um dos homens desceu até o rio, o atravessou e, do outro lado, encontrou uma mulher que recolhia algumas sementes de uma planta. Ele pediu um pouco de fogo. Então ela lhe disse: “ Venha comigo até a aldeia. Eu darei a você um pouco de fogo”. E o homem foi junto com a mulher. Quando chegaram à cabana da mulher, ela disse: “Você está com muita  fome, espere um pouco que eu vou cozinhar essas    sementes”! O homem sentou e esperou. A mulher  moeu as sementes com um pilão, e da farinha fez uma polenta. Quando a polenta ficou cozida, deu-a ao homem e pegou um pouco para si.
            E o homem disse: “Bem, eu ficarei aqui com você porque isso é agradável!” E ele não retornou aos seus companheiros para levar-lhes o fogo.
            Os outros homens ficaram esperando, mas como a fome aumentava, decidiram encarregar outro deles para buscar o fogo. O homem partiu e  encontrou também uma mulher, que o convidou para a sua cabana, deu-lhe polenta e ele também não retornou com o fogo.
            Da mesma maneira que aconteceu com o 1° e o 2° homem, saíram para buscar o fogo o 3° e o 4°. Igualmente encontraram cada um deles uma mulher e não voltaram mais, ficando somente o 5°.
            A essa altura, o antílope começava a apodrecer. Esse último homem, não conseguindo comer a carne do animal, pegou seu arco e suas flechas e fugiu, perdendo-se pelo mundo.
            Foi assim que se originou o matrimônio entre o homem e a mulher.

Mito do povo Bosquímanos da região Kalaharí, África.


Encaminhamento:

* Contar a história e explorar o texto:

- que é um mito?

- o que aconteceu com as mulheres e os homens?
- quando alguém se une a outra pessoa como pode ser chamado este ato?
- faça uma ilustração deste mito.


* Apresentar algumas imagens de casamentos nas diferentes tradições religiosas e conversar com os alunos verificando se todas as imagens são iguais ( casamentos: católico, evangélico, indígena, islâmico, candomblé, hinduísta, judaico ).


* A professora providencia imagens grandes de diferentes celebrações de casamentos e monta um jogo da memória, onde os alunos distribuídos em dois grupos irão procurar e achar o par.




* Assistir ao vídeo do casamento na Tradição Religiosa da Umbanda e do Candomblé:






* Conversar com os alunos sobre os símbolos, as vestes, o celebrante, convidados.


* Entregar a palavra casamento com as sílabas trocadas e solicitar que os alunos montem e colem no caderno.


MEN - CA - TO - SA

* Mostrar alguns símbolos e solicitar que os alunos relatem outros que foram utilizados no rito do casamento e desenhar no caderno nomeando-os.




* Entregar para os alunos quebra-cabeças de casamentos nas diversas tradições religiosas (confeccionados pela professora) para que possam montar.
 

* Solicitar que os alunos juntamente com a família tragam de casa imagens de casamento nas diferentes tradições religiosas.
 
 
* Montar com as imagens  trazidas de casa um painel.

 


* Localizar no mapa mundi de onde é o Mito do matrimônio, (África) explicar que muitas pessoas desse continente vieram para o Brasil há muitos anos atrás.

* Cantar com os alunos a seguinte música, enquanto cantar apresentar aos alunos imagens dos elementos que aparecem:
 
Acarajé, cuscuz, vatapá
Que comida gostosa
Vem saborear,
Lá,lá,lá,lá,lá,lá iaiá
         
Vem o samba, o batuque, a capoeira
Tá fora a tristeza
E vamos dançar
Lá,lá,lá,lá,lá,lá iaiá
A umbanda e o candomblé
Religiões brasileiras
Que trazem axé.
Lá,lá,lá,lá,lá,lá iaiá

* Montar a palavra África e colar no caderno, F C R Á I A

* Colocar um samba e para que os alunos sintam o ritmo e dancem, que ritmo é?

* Entregar o mapa da África, solicitar que os alunos pintem e colem no caderno.




* Solicitar para encerramento das atividades solicitar que os alunos juntamente com a família procurem imagens de como a cultura, religião, alimentação africana contribuíram para a formação do povo brasileiro.

Bom é isso aí pessoal, foi desta maneira que os alunos do 1° ano aprenderam um pouco mais sobre a tradição africana em 2013


Nenhum comentário:

Postar um comentário